Skip links

Limites na Educação Infantil

As relações sociais demandam normas e restrições, daí a importância no processo de desenvolvimento e educação infantil. A educação de filhos é um tema que parece simples, mas em verdade é algo extremamente complexo. Quem é que nunca presenciou uma criança fazendo birra, se atirando no chão, fazendo de tudo para vencer, como nos jogos, onde lá quem vence sempre é ela, a criança que pode tudo? Mas a vida não é assim e por isso alguns limites são necessários para as crianças, mas claro que precisam ser bem pensados, pois dar limites não é impor nem descontar frustrações pessoais na criança.

 

Independentemente da linha de educação que uma família decide seguir é preciso criar limites para que o desenvolvimento do seu filho seja saudável, tanto do ponto de vista psíquico quanto físico. É importante que as regras sejam colocadas sem muito autoritarismo e sem excessiva permissividade, é o tão conhecido e almejado equilíbrio. Nesse processo, o diálogo é a parte fundamental, pois, ditará como os relacionamentos serão vivenciados.

 

Bom, para começar a pensar em educação, primeiro é preciso considerar que o seu filho vai viver em sociedade onde todos temos de seguir regras. E, pode acreditar, desde cedo ele já tem capacidade para começar a aprender, ainda que não responda totalmente aos estímulos. Quando se trata de limites, alguns pontos importantes precisam ser considerados: primeiro, sempre explique o motivo de as regras existirem, mesmo que a criança ainda não entenda. Segundo, nunca minta, por mais que pareça uma mentira inocente, é preciso que se crie um elo de confiança. E, finalmente, respeite a criança como indivíduo e ensine que ela deve reparar seus erros.

Com a onda que vivemos do excesso de trabalho e falta de tempo, os pais podem sim estar prejudicando de forma assustadora seus próprios filhos sem perceberem, tratando seu bem mais precioso de forma que consumam mais e queiram mais e mais, na esperança de suprir essa ausência. Mas, vale lembrar que a criança sem limite pode sofrer com o passar do tempo, ter prejuízos sociais, no desenvolvimento pessoal, profissional e em relacionamentos. Por isso é importante pensar em estabelecer limites saudáveis para nossas crianças.

 

Dicas para estabelecer limites positivos na educação dos filhos

 

  1. Não envolva  a criança com os problemas de casal: Saber o limite entre as relações é essencial para cumprir a função de pais e essencial para a criança entender até onde pode ir.
  2. Seja objetivo:Muitos pais, ao educarem usam expressões como “seja bonzinho” – expressão que nada significa para as crianças, dependendo da idade. Elas precisam que lhes seja indicado o tipo exato de comportamento que se espera delas. É necessário um limite específico, com frases curtas e precisas, como por exemplo:  “você deve segurar a minha mão ao atravessarmos a rua” ou “você precisa comer agora e brincar depois”.
  3. Explique o motivo:A melhor maneira de aplicar limites na educação infantil é explicar o motivo pelo qual o pequeno deve obedecer. Quando a criança não entende uma regra, é quase certo que ela não irá obedecer.
  4. O SIM só tem valor para quem conhece o NÃO: A falta de limites implica em falta de estima no futuro, a criança que não convive com os “Nãos”, fica mais vulnerável a desenvolver uma baixa autoestima, isso porque parece poder tudo, e de fato, no momento pode, mas, não será assim ao longo da vida.
  5. Tenha firmeza e não perca para o cansaço: A criança vai até onde as regras a deixam ir. Por isso as regras devem ser bem pensadas não deixando a autoridade tornar a dinâmica em ditadura também, devem ser estabelecidas e cumpridas ou logo a criança descobre que as regras são fictícias e que se pode quebrá-la facilmente. Ao impor limites para uma criança, é necessário falar com um certo tom de voz, sem gritar, e com um olhar sério.
  6. Use a positividade:Toda a criança é mais receptiva quando recebe uma ordem sem repressão. É melhor dizer a uma criança o que fazer, antes de dizer o que ela não deve fazer.

Enfim, na hora de pensar e planejar a educação de filhos é necessário buscar o que se pode fazer para que as crianças tenham um futuro melhor. Se você se preocupa com a educação do seu filho, vale a pena rever a forma com que tem abordado temas como este que foi exposto e, quando sentir dificuldades ou dúvidas nesse processo educacional busque ajuda especializada.

Observação: Aprender a lidar com limites é a base para a inteligência emocional.

 

Adriana Mª S. Costa – Psicóloga Clínica – CRP: 05/34435 & 04/IS00805

* Agende seu horário: (24) 24524478 (24) 998172071 (WhatsApp)

Os limites são importantes porque são a base da socialização, da aprendizagem e do autocontrole, tanto emocional quanto comportamental.

 

 

Deixe um Comentário

Name*

Website

Comentar...